segunda-feira, 13 de junho de 2011

Estava escrito em teu corpo as malicias, modelado de curvas tentadoras. Seus olhos era quem chamava, sua boca era quem me afogava. Todavia teu coração era a ternura que nela existia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário